A Criatividade começa onde a reatividade termina por Victor Fernandes


A criatividade é uma das principais características que nos diferencia dos demais animais, é o que nos torna únicos. Mas não é só por isso que esse tema me encanta tanto, pra mim, criatividade é uma forma de viver, de me expressar, de existir. Por isso venho estudando mais esse tema, e quero compartilhar alguns insights com você.

Segundo estudos da Universidade Queen Mary e da Universidade de Londres, o nosso cérebro se organiza de tal forma que ele tende a suprimir ideias mais óbvias, para que as ideias mais criativas floresçam.

Nessas pesquisas, os cientistas descobriram que as ondas cerebrais de padrão alfa, na área temporal direita do cérebro, aumentam quando os indivíduos precisam suprimir associações corriqueiras em tarefas criativas. Níveis mais altos de ondas cerebrais alfa permitem que as pessoas apresentem sugestões menos óbvias. 

Os experimentos conduzidos ainda analisaram como o cérebro aborda uma série de tarefas criativas, como encontrar palavras que se ligam umas às outras. Toda vez que o cérebro procura conceitos associados a um termo, faz associações mais fortes para avançar para conexões mais fracas ou remotas – por exemplo: gato > cachorro > animal > pet > humano > pessoa > família.

Estudos anteriores indicaram que algumas pessoas são mais criativas do que outras, visto que são capazes de evitar conexões fortes, com a intenção alcançar as mais remotas. E essa nova pesquisa demonstra que as ondas cerebrais alfa estão envolvidas crucialmente nesse processo.

As ondas alfa (consideradas entre 8 a 13Hz) surgem nos momentos nos quais existe a calma, mas não o sono, naqueles onde há relaxamento. Alfa é um estado onde há sim ação, mas de forma controlada. Há tempo para observar, refletir e depois agir.

Acima desse estado, existem as ondas beta (12 a 33Hz), já entrando no espectro das frequências mais altas que surgem como resultado de uma atividade neuronal intensa. Estado que se relaciona com as atividades cotidianas nas quais focalizamos toda a atenção, quando estamos alertas e precisamos, ao mesmo tempo, estar atentos a inúmeros estímulos. É quase um estado de emergência.

Se pararmos pra pensar no nosso estilo de vida, e na quantidade de informação que recebemos, acabamos nos saturando de ondas beta, que em excesso, podem derivar em um estado de ansiedade ou estresse prejudicial.

Acabamos por criar o condicionamento de reagir - agir continuamente por instinto, ou por obrigação - e nos distanciamos cada vez mais do que seria um estado natural e saudável para o nosso organismo, pois vivemos em constante alerta.

Nos afastamos da possibilidade de analisar com calma as situações, absorver com qualidade informações e, portanto, limitamos a nossa capacidade cerebral para novas conexões. Acabamos por limitar a nossa criatividade.

Buscar a criatividade é buscar por escolhas conscientes. É sair do estado de alerta e se permitir descontrair. É saber escolher entre ação, espera e observação. Se permita circular por esses diferentes estados com mais frequência e você verá quantas novas conexões irá fazer. Com mais saúde, menos stress e, principalmente, mais criatividade.



Siga-nos

DeROSE Method Alphaville
Desenvolva o foco e a clareza mental, aumente sua vitalidade e gerencie seu nível de stress.

Instagram



Sobre

O DeROSE Method é uma proposta de reeducação comportamental, que desenvolve a alta performance e melhora a qualidade de vida.

Nosso método desenvolve sua habilidade de silenciar a sua mente, e melhorar a clareza mental. Por outro lado, aumentará sua vitalidade e nível de energia, desenvolvendo um corpo saudável que contribuirá para uma mente também saudável.